.pesquisar

 

.arquivos

.posts recentes

. Os Bajuladores

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.Pescadores, Cédulas marítimas

.tags

. todas as tags

painel06
... algures na costa portuguesa mesmo a sul da foz do rio Mondego. Era, como se dizia então, um bom pesqueiro. Havia fartura de pescado e as artes, ainda novas e de não fácil manuseio, vinham carregadas até á vergueira de espécies saltitantes e ...
corda01
Quarta-feira, 18 de Agosto de 2010

Os Bajuladores

 

O que alimenta essa corja de inaptos?

Que água lhes mata a sede de destruir

O que, por inépcia, nunca chegaram a construir?

Que raio de terrível e maldito genes,Da net

Dá origem a estes mentecaptos?

 

Por favor!

Se souberem digam!

Urge curar o mundo desta corja!

 

É insuportável olhar os sorrisos bajuladores

Em dorso dobrado ao cínico fingimento.

O olhar velado de fingido constrangimento

Na incapacidade, confrangedora, de pensar.

Aceitam mudos e submissos as regras.

Mas, num ápice, nas costas dos que servem,

Logo destilam a crítica porca e inevitável!

 

Que reles alegria sentirão

Quando, nas costas de quem dependem,

Os maiores e indefectíveis adjectivos usam,

Ululando na eloquência de vermes venenosos,

Criticando tudo e todos sem sentido?

Com a mesma facilidade, quando,

Com as costas dobradas, tudo aceitam?

 

E sorriem em esgares desmesurados…

 

Já não suporto mais!

Por favor

Urge o remédio!

 

 

Algures em Agosto de 2003.

João PIta

 

 

publicado por João Pita às 22:13
link do post | comentar | favorito
Caravela Sagres St MManuela e Creoula

.João Pita